fbpx

critica anime to your eternity

Anime Fumetsi no Anata | To Your Eternity | é uma obra prima

O anime é uma daquelas obras que marcam todo aficionado por anime. Não é uma obra que você assiste para passar o tempo ou para deixar de pensar. A animação apresenta uma narrativa que causa incômodo, reflexão e revira sentimentos.

Para quem acompanha mangá pode não ter tido nenhuma surpresa, já que a história vem da mesma autora do épico “A voz do Silêncio”, Yoshitoki Ooima. Particularmente considero esse o melhor trabalho de sua carreira e um dos melhores animes destes tempos de pandemia. Uma história ousada e ambiciosa de ser contada.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é fumetsu-no-anata-anime-2021.jpg

Como indica o título, To Your Eternity (também conhecido como Fumetsu no Anata e ou To You, the Immortal) é uma obra sobre alguém incapaz de morrer. É, também, uma história sobre muitos que de fato morrem. É uma história sobre o sentido que damos à vida. E sobre o sentido que podemos – ou não – dar a estas tragédias.

A História:

O anime segue um misterioso ser imortal, conhecido apenas como “o Orbe”, enviado à Terra sem emoções e sem identidade. O ser pode assumir a forma de quem o marca fortemente. Começando como um orbe branco, ele assume a forma de uma rocha, depois um lobo ártico moribundo. Como o lobo, o ser encontra um menino que vive sozinho que o confunde com seu falecido animal de estimação, Johan. Depois que o menino morre de um grande ferimento, o lobo assume sua forma.

Em sua busca de suprir a curiosidades vinda de estímulo causado pelas pessoas que o marca Fushi, como passa a ser chamado em determinado momento, inicia um processo de amadurecimento e começa a desenvolver sua própria personalidade.

Narrado sobre a perspectiva do criador de Fushi o anime convida a reflexões filosóficas ao mesmo tempo que apresenta histórias capazes de fazer qualquer marmanjo chorar. Uma abro que deveria entrar para o hall de animes que todos devemos ver antes de morrer.

Trailer:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo